Back to top

A CONTABILIDADE E SEUS REFLEXOS NA PRESTAÇÃO DE CONTAS DOS PARTIDOS POLÍTICOS

Tipo de Trabalho 

Artigo

   O processo de prestação de contas eleitoral progrediu muito ao longo do tempo e um dos responsáveis por essa evolução é a contabilidade. Frente ao processo eleitoral, a contabilidade surgiu como um instrumento para gerar a transparência sobre as informações prestadas à justiça eleitoral. O presente estudo traz à luz a discussão sobre os partidos que receberam o fundo partidário em 2017 e, também evidencia a necessidade da prestação de contas e os aspectos contábeis que integram o processo, além de evidenciar a importância do perito contábil nesta esfera. A temática deste estudo permeia a pesquisa quantitativa, por meio de dados do Tribunal Superior Eleitoral, bem como pelo Portal da Transparência, além de referenciais teóricos que discorrem sobre a contabilidade eleitoral. A técnica de pesquisa utilizada foi a de um estudo de caso, através da análise de dados com leituras e interpretações preliminares sobre os partidos que receberam fundos partidários no ano de 2017. Por fim, o estudo faz uma reflexão sobre as obrigações legais dos partidos, bem como faz uma análise sobre os princípios contábeis na esfera política.