Back to top

FORMAÇÃO CONTÁBIL E HABILIDADES EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO: UMA REVISÃO BIBLIOGRÁFICA

Tipo de Trabalho 

Artigo

O mundo contemporâneo exige e, até mesmo, proporciona mecanismos que possibilitam melhores desenvolturas no campo acadêmico e, consequentemente, no profissional, exemplo disso, são as Tecnologias da Informação (TI) que mostram que nas áreas de atuação, em especial nas ciências contábeis, não basta o conhecimento técnico, mas é necessário integrar habilidades de TI desde a formação acadêmica, o que modifica os comportamentos de aprendizagem de todos os agentes envolvidos nos processos educacionais. Este estudo buscou destacar o papel da habilidade em TI nos currículos de graduação em contabilidade e como os educadores a integra no ensino-aprendizagem. As pesquisas demonstraram que o desenvolvimento de habilidades de TI na educação contábil é discutido há anos, e existem orientações a esse respeito, apesar da limitada aplicação delas, além da responsabilidade do docente em conduzir e possuir tais habilidades. Foram apresentados os fatores-chave, segundo os estudiosos, de sucesso e falha na integração de TI nos currículos contábeis. As causas estão relacionadas à ausência ou baixa inovação nas pesquisas, nos métodos de ensino e nos currículos contábeis, e o resultado, são os alunos ingressos no mercado de trabalho com o conhecimento contábil, mas faltam outras capacidades. Já ao professor, mediador da aquisição de habilidades em TI, e aos atores envolvidos nos processos educacionais cabe a mudança de paradigmas, prover-se de habilidades de ensino para uma inclusão, um senso de comunidade, aprendizado e um apoio mútuo, entre outros achados do estudo.