Back to top

POLÍTICAS DE GOVERNO E A FALÊNCIA DO PROJETO UPP FLUMINENSE

Tipo de Trabalho 

Artigo

O presente trabalho busca analisar as denominadas Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs), as políticas de segurança pública realizadas nas favelas da cidade do Rio de Janeiro. Avaliando os aspectos de seu fracasso, tendo em vista um recorte histórico desde a década de 90, tem como uma análise detalhada dos Decretos nº 44.177/2013 e Decreto 45.186/2015, estes responsáveis por regular as UPPs, além de relacionar estes decretos com os projetos da história da segurança pública demonstrando os jogos políticos que consolidaram por meio da estigmatização da favela no imaginário coletivo, refletindo sobre a lógica da “guerra” e o caráter militar da atividade policial, avaliando as questões do “estado de exceção permanente”. Por fim, discute também as questões da forma que os possíveis programas sociais foram implantados por meio das UPPs.