Back to top

SÍNDROME DE BURNOUT: UMA REVISÃO DE LITERATURA SOBRE A SAÚDE MENTAL DE PROFESSORES DO ENSINO FUNDAMENTAL.

Tipo de Trabalho 

Artigo

A saúde do professor é um tema que adquire crescente relevância científica, pois tal profissão é considerada como uma das mais estressantes. A presente literatura analisou produções científicas nacionais publicadas nos últimos 10 anos. O estudo teve como objetivo identificar os principais fatores de adoecimento e algumas estratégias de intervenção a partir do diagnóstico em professores do ensino fundamental. A investigação se deu por meio de pesquisa bibliográfica nas bases Redalyc, SciELO e LILACS. O principal critério de elegibilidade foi artigos que tratassem da Síndrome em professores pertencente ao Ensino Fundamental. No total foram localizados 160 artigos, destes, 47 tratavam da síndrome em professores, mas apenas 15 atenderem aos critérios de elegibilidade. A pesquisa mostrou que a sobrecarga de trabalho está entre os principais fatores de exaustão. Quanto as estratégias de intervenção, uma melhor informação sobre a síndrome de Burnout e a atenção quanto elaboração de Políticas Públicas Educacionais são fundamentais. Espera-se que os resultados apontados neste estudo auxiliem no trabalho de profissionais de diversas áreas no tratamento e acompanhamento da saúde mental de professores.